Decoração da CasaMóveis para sua Casa

Aprenda definitivamente a usar a banqueta retro

posted by Adriele Amaral 0 comments
banqueta retro

Aprenda a usar a banqueta retro em vários ambientes. Veja fotos e dicas de decorações usando a banqueta retro.

A banqueta retro é um móvel extremamente versátil, que pode se adaptar facilmente a qualquer ambiente e decoração. Ela é prática, bonita e ocupa bem menos espaço do que uma cadeira, sendo ideal para casa e apartamentos pequenos.

Seguindo a atual tendência da decoração, a banqueta retro é novamente alçada a posto de ‘objeto desejo’, estando presente em diferentes tipos de décor e conversando muito bem com móveis modernos e de épocas diferentes.

Se você também adora a banqueta retro, veja algumas dicas super bacanas e informações indispensáveis para que você aproveite ao máximo as utilidades e versatilidades desse móvel.

O estilo retro

banqueta retro 1

Antes de começarmos com as dicas valiosas sobre usos da banqueta retro, é importante definirmos o que é o estilo retro. Na verdade, ao contrário do que muitas pessoas imaginam o retro não é o uso de móveis antigos. Existem duas variedades nessa tendência: o vintage e o retro.

O vintage se utiliza de móveis antigos – que tenham, pelo menos, 20 anos de existência-, com as suas características originais. É possível fazer pequenas reformas para deixar o mobiliário ‘usável’, mas não é permitido modificações nas características básicas, como cor, tecido do estofado, entre outros.

Já o estilo retro utiliza móveis novos, mas que são criados a partir do design de determinada época – ou mesclando épocas. Na verdade não há uma regra fixa sobre como os móveis retro devem ser. Em geral, eles possuem cores mais modernas do que às épocas em que foram inspirados, além de poderem ter elementos de décadas diferentes em uma mesma peça.

Dessa forma, é possível encontrar a banqueta retro em vários estilos, cores e formatos. Hoje, são mais usadas as que recriam os designs das décadas de 20 a 70, além dos móveis clássicos e provençais. Mas, é possível usar a banqueta retro de qualquer estilo e época, já que não existem regras fixas nesse tipo de tendência.

Em geral, a banqueta retro é bastante usada nas cozinhas tipo americanas, mas também podem aparecer compondo as mesas de jantar ou da área externa, no home office, no quarto e até na sala de estar. Claro que, dependendo do ambiente, o estilo e a altura da sua banqueta deverão ser diferentes, mas, ainda assim, é possível dizer que esse é um móvel extremamente versátil.

Banqueta retro para a cozinha tipo americana

banqueta retro10

Esse é o local mais comum de usarmos a banqueta retro, principalmente no balcão da cozinha tipo americana. Por serem práticas e aconchegantes elas têm ganhado espaço de estrela e muitas pessoas ficam em dúvida na hora de encontrarem o modelo ideal.

Porém, embora seja um móvel muito prático e procurado, a banqueta retro não é indicada para pessoas idosas ou obesas, já que elas não proporcionam o encosto adequado e nem a segurança de que essas pessoas podem necessitar nos móveis.

Veja algumas dicas para escolher a sua banqueta retro para a sua cozinha tipo americana:

quantidade de banquetas retros: o número de banquetas irá depender do espaço disponível. Calcule essa quantidade considerando que o espaço mínimo para cada pessoa se sentar é de 60 centímetros. Mas, esse é um valor médio. Para quem busca mais conforto, pode usar a metragem de 70 centímetros. Depois é só dividir o tamanho da sua bancada por esse valor e terá em média o tamanho da sua banqueta retro e a quantidade.

– altura da banqueta retro: assim como a quantidade, a altura da banqueta retro também está relacionada à altura da bancada. Existem, contudo, alguns tipos de bancadas, como: baixas (têm o tampo a 75 cm do piso e pede por banquetas com altura entre 40 e 45 cm) e altas (possuem o tampo com medida superior a 75 cm. Neste caso, faça o seguinte cálculo: altura da bancada – 25 cm = a altura do assento da banqueta). Caso você não se sinta seguro em relação à altura, opte por uma banqueta com regulagem. Além de multifuncional – já que pode se adaptar à mesa e outros móveis-, ainda é certeza de que se ajustará perfeitamente a sua bancada.

– material da banqueta retro: a sua banqueta  pode ser posicionada do lado interno da cozinha ou no ambiente da sala de jantar/estar. Leve isso em consideração na hora de escolher o estilo da sua banqueta retro, já que ela deve estar em harmonia com o restante do ambiente. Na cozinha é possível usar uma banqueta mais funcional, já no ambiente da sala é preciso pensar em um modelo com maior apelo estético.

– modelo da banqueta retro: independente do estilo e do design característicos da época escolhida para a sua banqueta é importante definir se o móvel terá ou não encosto. Os modelos com encosto são mais formais, além de confortáveis, podendo prolongar a permanência no móvel. Só que eles podem ser maiores e ocuparem mais espaço. Já as banquetas sem encosto podem ser usadas em bancadas onde não existe grande permanência, sendo usadas para lanches rápidos. Em geral, esses modelos são menores e ocupam menos espaço no ambiente.

Banqueta retro para a cozinha ou sala de jantar

banqueta retro2

Não só nas cozinhas tipo americanas, a banqueta retro pode aparecer. Hoje é muito comum encontrarmos cozinhas pequenas e estreitas – principalmente em apartamentos-, mas que contam com uma mesa ou uma mini bancada para lanches rápidos. Esses locais também ficam ótimos com a presença da banqueta retro, principalmente porque elas são menores e ocupam menos espaço.

Além disso, também é possível contar com a sua banqueta retro na sala de jantar.  Ela pode aparecer compondo a mesa de jantar – quebrando a linearidade das cadeiras-, ou ainda como opção para mesas de jantar muito pequenas – em especial os modelos redondos. Note que aqui também é possível usar a banqueta retro com ou sem encosto, dependendo do tamanho disponível, além de ser possível brincar com vários estilos de banquetas em uma só mesa.

O único cuidado é buscar escolher por um modelo de banqueta retro que não fique nem muito alta e nem muito baixa para a mesa. Caso vá usá-la com outras cadeiras, tente harmonizar o ambiente. As banquetas, nesse caso, não precisam ser da mesma cor das cadeiras, mas é preciso que haja alguma ligação, como por exemplo o mesmo material – nem que seja presente em alguns detalhes.

A banqueta retro em outros ambientes

banqueta retro9

Além da cozinha e da sala de jantar é possível usar a banqueta retro em vários outros cômodos. Veja algumas ideias:

– Na churrasqueira/ área de lazer: a banqueta retro fica ótima em ambientes externos, principalmente os modelos feitos em madeira que dispõem de um pouco mais de rusticidade – como as banquetas provençais-. Elas podem aparecer na área da churrasqueira, como complemento da bancada ou até mesmo da mesa do ambiente. Em outras áreas de lazer, a banqueta retro também pode estar presente como na varanda gourmet e no jardim. Para esses ambientes, porém, busque por uma banqueta retro feita em um material mais resistente e capaz de suportar mudanças climáticas. Caso você more próximo à praia, busque por banquetas que tenham a aplicação de verniz marítimo.

– Na sala de estar: dependendo do modelo da banqueta retro é possível que a mesma apareça de várias formas na sala de estar. Ela pode estar presente substituindo uma poltrona ou um puff, se tornando mais uma opção de assento para os convidados, ou substituindo a mesa lateral. Quando a banqueta retro for usada como opção de assento é imprescindível buscar por um modelo com encosto e que seja mais confortável, não sendo nem muito alta, nem muito baixa. Os modelos com regulagem de altura são muito bem vindos nesse ambiente. Já, caso esteja pensando em usar a banqueta retro como mesa lateral, opte pelos modelos baixinhos e bem simples, de preferência em madeira ou acrílico. Nesse caso é possível brincar com as cores e buscar por modelos mais coloridos e divertidos.

– No quarto: aqui a banqueta retro também pode ter dupla função. Os modelos menores e mais baixinhos, assim como os da sala de estar, podem ser usados em substituição ao criado mudo, já a banqueta retro mais alta pode aparecer como opção para criar mais conforto no ambiente, ajudando na hora de calçar os sapatos e trocar de roupa. No quarto das crianças, a banqueta menor pode ajudar na organização do ambiente e também na hora da brincadeira.

– No home office: se você não tem muito espaço para o seu home office, uma dica muito legal é usar a banqueta retro para compor o espaço com a bancada de trabalho. Nesse caso, opte pelos modelos mais confortáveis, com encosto e braços.

– Em outros espaços ‘vazios’: os cantos vazios da casa podem ser preenchidos com uma bela banqueta retro e outros itens de decoração. O final de um corredor, um espaço mais afastado da sala de estar ou o hall de entrada podem ser locais perfeitos para a sua banqueta.

Veja algumas inspirações com a banqueta retro:

banqueta retro 6 banqueta retro banqueta retro1 banqueta retro3 banqueta retro4 banqueta retro7 banqueta retro8 banqueta retro11 banqueta retro12 banqueta retro13 banqueta retro14

você pode gostar

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.