Decoração da CasaDicas de Decoração

Quarto Montessoriano: Bebês, Casal, Guarda Roupas

posted by Michele Azevedo 0 comments

O quarto montessoriano é uma opção e tendência interessantíssima para o público infantil. Confira todos os modelos e destaques deste quarto!

O quarto montessoriano é uma especificidade para bebês. Trata-se de uma premissa dos quartos montessorianos. Eles apresentam a metodologia criada pela profissional da Itália, Maria Montessori, em meados de 1907.

Esta metodologia é capaz de priorizar a educação autodidata. Isto significa que o quarto precisa disponibilizar elementos que se destaquem pela posição em relação a altura do bebê, estimulando o seu desenvolvimento, a autonomia de modo seguro para que a criança se sinta à vontade para a exploração do ambiente.

Portanto, em vez de camas e colchões altos, aqui é oferecida uma maior liberdade aos pequenos, que são capazes de se deitar e se levantar, o momento que quiserem. Brinquedos precisam ter disposição de modo que o bebê seja capaz de segurá-los a qualquer momento, quando quiserem. A fim de que haja o despertar de interesses para tanto, o quarto é capaz de eliminar a monotonia.

Especialistas fazem a indicação de que haja o oferecimento de esquemas de rodízios e que sejam trocados de 15 em 15 dias. Existem outros fatores relevantes que compõem o ambiente do quarto montessoriano. Confira:

Espelho

Os espelhos servem para que os pequenos possam ter o reconhecimento próprio. Deve ser posto em placas de MDF ou, até mesmo, madeiras presas na parede a fim de que se evite quebrar. E caso isso aconteça, os pedacinhos que se soltarem não machucarão o seu filho. Pequenas penteadeiras para as meninas, também são alternativas.

Barra fixa na parede

O intuito é tornar mais fácil que a criança permaneça em pé. Isto auxilia no processo de início dos primeiros passos. O bebê tem independência e consegue se levantar sem dificuldades ou auxílio de alguém.

Tapetes

A fim de tornar estas experiências de caráter sensorial, os tapetes auxiliam o bebê a fazer a delimitação dos espaços de brincadeira para os mais velhos.

Armário de estatura baixa

Armazenar, neste cômodo, poucas alternativas de vestuários para que o bebê possa selecionar de modo mais fácil o que deseja, é imprescindível para adquirir a independência.

Quarto Montessoriano para Bebês

Aqueles que estão montando quartos de bebês devem ter se deparado com a conceituação de quartos montessorianos. Estes cômodos têm inspiração na teoria Montessori, referente ao ensino infantil. Trata-se da ideia de que os pequenos devem ter o desenvolvimento já em primeiros momentos de vida, adquirindo autonomia. Assim, ele é capaz de explorar o seu espaço e compreender tudo o que está a sua volta de maneira mais efetiva.

Dentre as principais dicas para a montagem de um quarto montessoriano, podemos, primeiro, deixar de lado o berço convencional. Para que a criança tenha muita liberdade de movimentação, colocar os colchões de forma direta no chão.

A preocupação é ter que se abaixar para poder fazer a amamentação? colocá-lo para dormir? Não há problemas. Você pode adquirir uma poltrona de estatura baixa, próxima da cama, ou até mesmo um banco baixinho.

Decoração

Caso este lugar passe friagens pelo solo, é possível por o colchão um sobre outro, inclusive estrados baixos. Ao redor, para que ele não possa rolar para o chão, o interessante é cercar com diversas almofadas o ambiente, de forma descontraída.

Ainda que fique um pouquinho mais alto, esta atitude dará mais segurança para a criança. Muitas mães improvisam nestas decorações e isto dá muito certo. A fim de melhorar a estética decorativa, pode-se contratar marceneiros para que realizem a moldura em forma de casinha da cama e, em seguida, pintar.

Colocar rolos nas laterais também é uma boa ideia. A decoração fica perfeita. O mais interessante é que, mesmo que o bebê continue crescendo de forma célere, o quarto continua sendo um sucesso, mesmo depois dos seis ou sete anos de idade.

Numa dessas paredes, você também pode colocar estantes baixinhas com os brinquedos que o pequeno mais adora. Evitando que o móvel vire, ao passo que a criança se apoie ali, pode-se prender a estante na parede com buchas e parafusos.

Após meses, num dos cantinhos do quarto, é importante colocar tendas de lonas para os bebês. E próximo de outra parede, que tal nichos com gibis e revistas coloridas infantis? Tudo isso deve estar ao alcance da criança com muita facilidade.

Quarto Montessoriano para Casal

Se você tem gêmeos ou crianças em idades próximas, por exemplo, o quarto montessoriano para casal pode ser a solução de espaço que estava procurando. Com a decoração certa, é possível tornar este cômodo um ambiente sofisticado, bonito e muito aconchegante.

Quarto Montessoriano com Guarda Roupa

Dentre as possibilidades, também há o cômodo com guarda roupa. Ele pode ser embutido na parede ou até mesmo ser trocado por cômodas baixinhas. Assim a criança é capaz de selecionar o que deseja para se vestir e adquirir autonomia.

O desenvolvimento ocorre por meio de interações com o resto do mundo, o ambiente em que o bebê mora. Tudo precisa estar ao seu alcance, onde ele possa segurar, pegar e ter lugar para pintar. O ambiente também precisa apresentar espaço livre para que a criança possa brincar.

O que, de fato, a teoria montessoriana diz é que, este tipo de situação em que a criança está submetida auxilia no estímulo de suas ações. A criança acaba se desenvolvendo brincando.

Ao desenvolver uma autonomia, desde cedo, a criança é capaz de se tornar uma pessoa adulta que apresenta mais segurança sobre si mesmo. Porém, os benefícios são muito maiores que isto. Trata-se de gerar o estímulo da criatividade, da organização, do espírito colaborativo. Os bebês que crescem neste âmbito permanecem menos sujeitos a traumas em relação a aprendizagem imposta, de modo a despertar o interesse e o prazer pelos estudos, por exemplo.

Quarto Montessoriano Pequeno

A fim de compor um quarto como este, é imprescindível que exista harmonia para a estética decorativo do ambiente. Conforme diversos designers, a falta do berço que tem substituição pela caminha baixa ou colchão ao chão é a característica principal do cômodo.

Além de possibilitar um espaço maior ao bebê, móveis em pouca quantidade e em altura da criança auxilia muito no desenvolvimento da criança. As formas e cores também costumam estimular o bebê. Tudo isso deve fazer parte deste quarto, em questão.

Quarto Montessoriano Simples

O quarto simples, baseado pela teoria Montessori, também se destaca. Um colchão simples, numa estrutura bem decorada, com cores estimulantes são essenciais para o estímulo dos pequenos. Outro ponto interessante, é que um quarto simples, bem como quaisquer outros elaborados, precisam ser clean. Evite obstáculos que atrapalhem o bebê.

Contudo, mesmo que simples, existem itens que não podem faltar. Confira:

  • espelho – já mencionado, auxilia o bebê a se reconhecer;
  • protetores – as tomadas necessitam estar cobertas com protetores para que a criança possa explorar o ambiente de forma segura;
  • quadros e fotografias – auxiliam no despertar da curiosidade e estimulam o caráter criativo;
  • móbiles – auxiliam a criança a se desenvolver de modo lúdico;
  • tapetes – devem ser antialérgicos, prezarem pelo conforto e apresentarem cores que estimulam a mente criativa;
  • adesivos – decoram o quarto e estimulam a imaginação dos pequenos.

você pode gostar

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.